Controle de Vetores e Pragas
Mosquitos
Ratos Desinsetização: Mosquitos (Aedes e Culex) 
- FORMA DE EXECUÇÃO E SISTEMÁTICA DA APLICAÇÃO:

    A IMUNI-MAD vai ao local e instala armadilhas para capturar o mosquito, leva-os ao laboratório da empresa para a Taxonomia -identificação da espécie - determina a espécie, estuda o local: fauna, flora e a população. Após esses procedimentos é escolhida a metodologia de controle. Dentre de váras existentes se destacam os LARVICIDAS.

  • Controle através de aplicação líquida de inseticida.
  • Controle através de equipamento de termonebulização (fog).
  • Controle através de equipamento atomizador.
 
- LARVICIDAS:

 Todo inseto alado apresenta inicialmente FASE TERRESTRE (LARVA) e a sistemática compreenderá no tratamento com larvicida, de baixa toxidez para pessoas e animais e que serão colocados nos pontos de possíveis focos.
 
- TERMONEBULIZAÇÃO (FOG):
 Para a FASE ALADA (ADULTO), o Tratamento consistirá na pulverização de inseticida líquido com equipamento que produz uma névoa úmida por nebulizacão térmica a quente (termonebulização).
Indicada para locais de repouso e abrigo de insetos, sendo bastante eficiente para o controle em vegetações que margeiem córregos, valas, canais assoreados e próximos a vazamentos de lixo a céu aberto.

O FOG é indicado para o controle de insetos. Para obtenção de melhores resultados, o produto deve ser aplicado quando os insetos estiverem no auge de sua atividade e as condições atmosféricas forem favoráveis a manter o FOG próximo ao solo, ou seja, com baixa temperatura e velocidade do vento não superior a 05 Km/h. Tal produto pertence ao grupo químico dos carbamatos (Propoxur 15%), sendo este miscível com a maioria dos solventes orgânicos.

- ATOMIZAÇÃO:


Como complemento no combate ao inseto na FASE ALADA (ADULTO), o tratamento consistirá na aplicação espacial com lançamento de inseticida sob forma de U.B.V (Ultra Baixo Volume).
Com essa máquina, esses inseticidas serão lançados em locais (poços de elevador, garagens, áreas de venda e outras áreas internas) onde a termonebulização, por força das normas da feema, não pode ser aplicada.
Esta operação permite a formação de partículas mais leves e com efeito residual, quando então serão micropulverizadas paredes e outros pontos que, atuando com a termonebulização, atingirão altos índices de mortalidade e eficácia no controle.


OBSERVAÇÕES:
Os serviços de termonebulização não poderão ser executados em área externa quando estiver chovendo, dada a natureza da aplicação.



Voltar ao topo da Página

Ratos

© Copyright 2009 Imuni-Mad - Todos os direitos reservados
Av dos Italianos, 1166 - Rio de Janeiro - Cep: 21501-101
PABX.: (21) 2471-9768 / 3361-2210
Atlas Web